Muito mais que camisetas: T-shirts com alma!



Conheça a história da Euzaria, uma empresa que já nasceu com um propósito maior.

Em entrevista ao site Capitalismo Consciente, Kiko Kislansky, fundador da Euzaria (www.euzaria.com.br), conta um pouco da história de sua empresa e seu propósito maior.

Como você conheceu o Capitalismo Consciente?
Sempre sonhei em deixar um legado no mundo através da minha carreira profissional. Mesmo sem conhecer o Capitalismo Consciente, eu já descartava qualquer possibilidade de trabalhar sem um propósito impulsionador. Durante meu momento de decisões em relação à carreira, sempre houve uma inquietação constante em relação a empresas que só buscavam ganhar dinheiro, sem gerar nenhum tipo de bem-estar direto para a sociedade. Aos 17 anos, embarquei para os Estados Unidos para estudar administração e marketing, com uma bolsa de estudos conquistada através do futebol.

Durante a segunda temporada de futebol universitário, tive uma séria lesão na lombar, e, portanto, comecei a me dedicar ainda mais aos estudos e ao empreendedorismo, que sempre foi uma paixão. Logo percebi que gostaria de gerar transformações na sociedade a partir do empreendedorismo, da iniciativa privada. Em meio a pesquisas constantes e indicações de professores, conheci o Capitalismo Consciente, lá nos Estados Unidos.

Qual o propósito da sua empresa?
A Euzaria nasceu com o propósito de resgatar valores humanos na sociedade. Principalmente o valor do pertencimento e o do ser além do ter. Entendemos que todos os problemas sociais são consequência da desconexão das pessoas com os valores humanos e, através desse resgate, podemos reduzir grandes problemáticas. Nosso sonho é viver em um mundo onde todos se sentem parte de uma única unidade, se pertencem e, acima de tudo, valorizam mais o que são do que o que tem.

O nome Euzaria surgiu da seguinte pergunta: "uma T-shirt com amor, que contribui para um mundo melhor, você usaria?". Eu usaria. Euzaria.

O que a Euzaria tem feito para realizar o seu propósito?
Na Euzaria, para cada compra, um ato de solidariedade é gerado. Cada transação gera uma transformação. Mais de 10 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social já tiveram suas vidas impactadas por nossas contrapartidas, a partir dos produtos com alma vendidos nos espaços físicos ou e-commerce. Semanalmente, realizamos ações de assistência a pessoas em situação de rua, além de ações sociais em mais de 40 instituições de caridade. Veja todas as atividades que realizamos aqui (http://www.euzaria.com.br/acoes-sociais/).

Como vocês pretendem difundir o Capitalismo Consciente cada vez mais?
Dando continuidade ao sonho de transformar a sociedade através da iniciativa privada, desenvolvemos a Cazulo (http://nossocazulo.com.br), uma consultoria de branding com propósito que nasceu para contribuir para essa transformação através da humanização, consciência e propósito maior. Um dos pilares da Cazulo é a ECOA - Ecossistema de Aprendizagem Coletiva. Através desse pilar, em parceria com o Instituto Capitalismo Consciente Brasil, estamos trazendo pela primeira vez ao nordeste a palestra e curso Capitalismo Consciente (clique aqui), com o propósito de gerar mais reconhecimento sobre o assunto na nossa cidade e contagiar ainda mais empreendedores e consumidores com o tema.

Fonte: Capitalismo Consciente

Compartilhe:

ENTRE NA CONVERSA

    Comentários

0 comentários:

Postar um comentário