Vem aí o Day1 Endeavor 2016



Na próxima segunda-feira, 01/08, a partir das 18h30, vai ao ar, ao vivo, a 9.ª edição do Day1, organizado pela Endeavor e pelo Sebrae.

Esta edição, com o tema "Desafie a razão. Acredite na loucura.", trará empreendedores que, em 20 minutos, contarão suas histórias.

O evento tem por tradição trazer empreendedores que compartilham suas experiências e aprendizados, e são grande fonte de inspiração a quem quer empreender.

Você pode assistir ao vivo e gratuitamente de qualquer lugar. Acesse este link (http://info.endeavor.org.br/day1online2016) e inscreva-se.

Nesta edição do Day1 estarão no palco:

* Nizan Guanaes | Grupo ABC.
Em setembro de 89, ele tinha U$1 milhão para começar seu novo negócio. Em março de 90, ele não tinha nem 10 mil reais. A Era Collor podia ter destruído os sonhos de Nizan, mas enquanto todo mundo chorava, ele vendia lenços. Uma atitude de liderança e toda a sua criatividade formaram o maior grupo de comunicação do Brasil.

* Salim Mattar | Localiza.
Desde os 6 anos de idade, o pai de Salim dizia que ele deveria abrir um negócio próprio. Foi com 6 fuscas financiados que ele começou a empreender, depois de um insight que teve enquanto cumpria uma tarefa de office boy. A pequena frota virou 600, depois 6 mil, depois 60 mil carros.

* Carlos Wizard | Sforza Holding.
Ele foi sozinho para os EUA aos 17 anos, com apenas 100 dólares no bolso e sem falar inglês direito. Na volta, já estava ensinando o idioma para brasileiros. Hoje, carrega sua primeira empresa no sobrenome, a qual transformou em um dos maiores grupos educacionais do país.

* Cristina Boner | Globalweb.
Se você descobre que o Bill Gates está vindo para o Brasil, o que você faz? Bom, a Cristina viu a oportunidade de se tornar a primeira revendedora da Microsoft no país. Daí para criar um império da tecnologia e começar a fazer história, muito trabalho e muita quebra de paradigmas.

Gustavo Ziller | 7 Cumes.
"É impossível um ser humano continuar o mesmo depois que ele tem certeza absoluta de que chegou a hora dele". Em 2012, Ziller viveu esse momento e resolveu se reinventar. A busca pelo extraordinário o levou a uma série de aventuras, entre elas: em 30 meses, escalar os 7 cumes mais altos do mundo.

Renato Saraiva | CERS.
Tinha tudo pra "dar ruim". Criado em Vigário Geral, Renato penou para pagar seus próprios estudos, até se tornar funcionário público. Quando se mudou para Recife, começou a dar aulas para concurseiros e resolveu transformar isso em negócio. Podia ter "dado ruim" aqui também, mas o CERS já teve mais de 300 mil alunos.

Compartilhe:

ENTRE NA CONVERSA

    Comentários

0 comentários:

Postar um comentário